ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Vereadores aprovam por unanimidade o Projeto de Lei nº 126/2017 que institui o Plano Plurianual (PPA) de Itabaiana

Na sessão desta quinta-feira, 24/11, vereadores aprovaram por unanimidade o Plano Plurianual para o período 2018-2021 no município de Itabaiana.

23/11/2017 20:25


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Vereadores aprovam por unanimidade o Projeto de Lei nº 126/2017 que institui o Plano Plurianual (PPA) de Itabaiana

Aberta a Sessão Ordinária do dia (23/11), na Câmara Municipal de Itabaiana, o Presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça (PR) concedeu a palavra ao Vereador Arivaldo de Rezende (PMDB), que iniciou o seu pronunciamento chamando o prefeito Valmir de Francisquinho de general e ditador, atribuindo ao mesmo o que, para o parlamentar é um descaso em relação ao CAPS, se referindo à suposta falta de médicos e outros profissionais.

O vereador Gustavo Santana (PMDB), disse que irá apresentar um requerimento ao governo do estado solicitando a implementação de um pelotão ambiental, visando proporcionar segurança aos funcionários e turistas que visitam o Parque dos Falcões. Ressaltou que tal preocupação não se deu apenas em virtude do ato criminoso ocorrido recentemente, quando na ocasião, seis elementos invadiram o Parque, aterrorizaram e espancaram os funcionários do referido santuário de aves de rapina.

O vereador João Cândido (PSB) pediu um aparte e além de parabenizar o vereador Gustavo Santana pelo pronunciamento, sugeriu que fosse também solicitado o policiamento florestal, e que, portanto, todos os vereadores abraçassem a causa. Em virtude da sugestão, o vereador Gustavo Santana achou por bem acolher à sugestão, e pediu ao presidente que determinasse que um novo requerimento fosse confeccionado, para que todos os colegas vereadores pudessem também subscrevê-lo.

O vereador Marcos Oliveira (PTC) também pediu aparte e endossou às palavras dos colegas vereadores, na oportunidade, confirmando que levaria à preocupação até o prefeito Valmir de Francisquinho, para que o município possa contribuir também nesse ponto.

O vereador Sinvaldo Góis (PMDB), iniciou o seu pronunciamento parabenizando à gestão municipal pela obra de implementação da rede de esgoto na Rua Francisco Bragança. O parlamentar também criticou o vereador Carlos Vagner(PR) pelo fato de ter ajuizado na justiça, uma Ação, visando à anulação da eleição da mesa diretora para o biênio 2019/2020. Na oportunidade, o vereador cobrou ao prefeito Valmir de Francisquinho, a reforma dos mercados Zezé de Bevenuto e João do Volta.

O vereador Paulo Messias (PMDB), contestou os vereadores Marcos Oliveira (PTC) e Moisés Mendonça (PR), porque segundo ele, os parlamentares lhe criticaram após a eleição da mesa diretora para o biênio 2019/2020, alegando que o mesmo sentirá dificuldades para desempenhar sua função como primeiro secretário. Disse ainda que a eleição ocorreu com transparência e criticou o vereador Carlos Vagner por ter ajuizado ação com o objetivo de anular à eleição da mesa diretora ocorrida no último dia 26/10.

O vereador Marcos Oliveira (PTC), disse que recebeu às críticas do vereador Paulo Messias com naturalidade, que às críticas fazem parte do processo democrático. Disse que brincadeiras à parte, sempre respeitou o vereador Paulo Messias e que jamais o desmereceria por sua origem, sobretudo, porque também veio de origem humilde. Quanto a ação ajuizada pelo vereador Carlos Vagner visando anular a eleição da mesa diretora da Câmara, o vereador, de maneira prudente, disse que cabe somente a justiça decidir sobre à questão.

O vereador José Virtuoso (PR), em seu pronunciamento falou de indicação n° 269/17 de sua autoria, que visa à construção de um Centro de Equoterapia, equitação e Equitação Especial, de preferência, anexo à escola Técnica Agrícola Prefeito João Alves dos Santos.

Na ordem do dia, o Presidente da Casa, colocou em discussão os projetos N° 126/2017 que institui o Plano Plurianual (PPA), para o período de 2018-2021 no município de Itabaiana e o Projeto N° 153/2017 que altera o inciso II do artigo 18 da Lei 2.028/2017, que por sua vez, foram aprovados por unanimidade dos presentes em primeira votação. Encerrada a Sessão Ordinária do dia (23/11), o Presidente da Câmara Municipal, vereador José Teles de Mendonça convocou os parlamentares para duas sessões extraordinárias, cuja primeira teve o seu início, cinco minutos após à sessão ordinária.

Iniciada à primeira sessão extraordinária, na Ordem do dia foram colocados em discussão e segunda votação, os projetos N° 126/2017 que institui o Plano Plurianual (PPA), para o período de 2018-2021 no município de Itabaiana e o Projeto N° 153/2017 que altera o inciso II do artigo 18 da Lei 2.028/2017, ambos foram aprovados por unanimidade dos presentes. Vale ressaltar que os referidos projetos também foram aprovados por unanimidade durante à segunda sessão extraordinária ocorrida logo em seguida. Encerrada a segunda sessão extraordinária, o Presidente da Câmara Municipal, vereador José Teles de Mendonça convocou uma nova Sessão Ordinária para a próxima terça -feira (28/11), em horário regimental.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS