ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Vereadores parabenizam o Prefeito Valmir de Francisquinho pelas assinaturas de oito ordens de serviço anunciadas na manhã de hoje, 26/04

Durante a sessão desta quinta-feira (26/04), os parlamentares repercutiram o anúncio e discutiram sobre os benefícios que essas obras levarão à população.

26/04/2018 19:42


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Vereadores parabenizam o Prefeito Valmir de Francisquinho pelas assinaturas de oito ordens de serviço anunciadas na manhã de hoje, 26/04

Aberta a Sessão Ordinária do dia 26/04, na Câmara Municipal de Itabaiana, já no grande expediente, o presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça (PR) concedeu a palavra ao vereador Sinvaldo Góis (MDB), que iniciou o seu pronunciamento criticando a gestão atual, alegando que está faltando remédios e médico no posto de saúde do Bairro São Cristóvão, bem como, cobrou que a secretária de obras Deilza de Assis designe sua equipe para realizar a capinagem e limpeza do bairro. Também afirmou que está faltando médico no posto de saúde do Bairro Bananeira. Criticou a obra do CAPS AD III, inaugurado na última sexta-feira (20/04), alegando que não está funcionando como anunciado. Finalizou criticando o prefeito Valmir de Francisquinho pela obra do Terminal de passageiros do transporte alternativo, bem como, pelo fato de alguns comerciantes que atuavam naquele local não terem sido prestigiados pela atual gestão.

O vereador Gustavo Américo Santana (MDB) iniciou o seu pronunciamento justificando que as críticas contra a atual gestão fazem parte do papel do vereador de fiscalizar a administração pública.  Disse que foi contra a nucleação de escolas ocorrida em Itabaiana, porque entende que o fechamento de escolas da rede municipal só gera prejuízos para a população. O vereador criticou a situação do Colégio Agrícola, afirmando que está quase fechado e que os alunos estão reclamando porque a escola não está servindo o lanche das 10h. O vereador João Cândido Sobrinho pediu aparte e parabenizou o colega pelo tema, lamentando que no passado a escola agrícola já foi referência no estado de Sergipe, inclusive como centro de iniciação para futuros profissionais do setor agrícola. A vereadora Ivoni Andrade também ressaltou o tema e disse que diante da atual situação teme que a escola agrícola também seja fechada. O vereador Gustavo Santana disse que jamais ouviu falar que em gestões anteriores alunos estudassem em garagens, somente na atual gestão é que se verifica esse tipo de situação.

O vereador Marcos Oliveira (PTC) iniciou o seu pronunciamento rebatendo as críticas do vereador Gustavo Santana, informando que jamais se investiu tanto em educação no município quanto agora. O vereador Roosevelt Santana pediu aparte e sugeriu que os vereadores de oposição se combinassem em seus discursos, antes de subirem à tribuna para que não houvesse tanta contradição em seus pronunciamentos. O vereador Marcos Oliveira também ressaltou as ordens de serviços anunciadas no dia de hoje pelo prefeito Valmir de Francisquinho, para construção e ampliação de diversas escolas, bem como a reforma do cemitério do povoado Pé do Veado. Lamentou a política do quanto pior, melhor, praticada pelos vereadores de oposição. Disse que as críticas do vereador Gustavo Santana, de que alunos estão estudando em garagens nessa gestão não procede, contudo, isso aconteceu na gestão do ex-prefeito Luciano Bispo.

O vereador Paulo Messias (MDB) disse que foi a prefeitura na manhã de hoje falar com o prefeito Valmir de Francisquinho e afirmou que foi muito bem atendido pelo mesmo, ressaltando que embora seja oposição, nunca teve um pedido negado pelo gestor municipal. Na oportunidade, o vereador solicitou autorização e apoio do prefeito para que a comunidade do bairro Miguel Teles antecipe o São João e informou que prontamente teve o seu pleito atendido e o prefeito garantiu que irá atender suas reivindicações no tocante a pavimentação do bairro Miguel Teles de Mendonça, até porque já faziam parte do cronograma de obras da prefeitura. O vereador Roosevelt Santana parabenizou o vereador Paulo Messias por sua postura ética e sempre equilibrada. O vereador Sinvaldo Góis alertou o vereador Paulo Messias para que não acredite no prefeito. O vereador José Roberto concordou com o colega Roosevelt Santana, ressaltando e parabenizando a postura amistosa e ética do vereador Paulo Messias.

O vereador Wagner Menezes (PR) iniciou o seu pronunciamento parabenizando o prefeito Valmir de Francisquinho pelo leque de obras anunciadas na manhã de hoje. Exaltou o esforço do prefeito na luta diária para atender os anseios da população. Esclareceu que a cobrança é necessária, porém, é importante levar em conta que a realização de determinadas obras depende das condições do momento. Disse que ser opositor não significa ser incoerente. Rebateu às críticas de radialistas ligados à oposição, em relação a suposta falta de médico, sem conhecimento de causa, justificando que eventualmente o profissional pode ter problemas e ficar impedido de atender a população naquele dia, todavia, não seria motivo para uma crítica generalizada a gestão. O vereador disse que apesar de fazer parte do bloco de situação, também cobra do gestor municipal e reconhece as falhas da gestão. Entretanto, os vereadores de oposição só criticam a gestão municipal, mas não conseguem enxergar os erros cometidos por seus líderes.

O vereador Arivaldo de Rezende (MDB) iniciou ressaltando a vinda da Força Nacional de Segurança, porque para ele representa tranquilidade para a população, bem como, parabenizou o trabalho da Getam em Itabaiana no combate à criminalidade. O parlamentar também criticou o Detran pelo fato de levar as motos apreendidas pela SMTT para o pátio do órgão em Aracaju. Segundo o vereador, não há essa necessidade porque no seu entendimento, as motos poderiam ficar na própria SMTT ou até mesmo no Detran, porque esse transporte só gera despesas e humilhação para os proprietários.

O vereador José Carlos de Santana (PR) disse que a postura da oposição tem lhe preocupado por conta das mentiras propaladas com o objetivo de denegrir a imagem da atual gestão. Falou sobre a importância das obras anunciadas na manhã de hoje pelo prefeito Valmir de Francisquinho, através de diversas ordens de serviço assinadas. O parlamentar citou a postura do colega Paulo Messias, que reconheceu ter sido sempre atendido pelo gestor municipal em suas reivindicações. O vereador Paulo Messias pediu aparte, parabenizou o colega pelo pronunciamento e justificou que o fato de ser oposição não o impede de interceder pelo povo junto ao prefeito Valmir de Francisquinho, como sugeriu seu colega Sinvaldo Góis.

O vereador João Cândido Sobrinho (PSB) parabenizou o prefeito Valmir de Francisquinho pela assinatura de oito ordens de serviço anunciadas na manhã de hoje. Porém, disse que lhe causou estranheza o anúncio das revitalizações da praça João Pessoa e do Ponto Geodésico, por se tratarem de obras recentes. Ressaltou que ao invés dessas obras de revitalização, deveria ter priorizado a obra de pavimentação do Bairro Miguel Teles e do Jardim Serrano, cujas ruas, segundo o parlamentar, estão em péssimas condições. O vereador cobrou mais investimentos em asfaltamentos de ruas, por meio da usina móvel de asfalto. Cobrou também mais atenção em relação às localidades Coruja e Corujinha, cujos moradores convivem com esgoto a céu aberto, segundo o parlamentar. O vereador também cobrou mais empenho do município na revitalização e iluminação do trecho urbano que margeia a BR 235, sobretudo na região onde foi instalada a empresa Assaí Atacadista, porque segundo ele, vários assaltos têm ocorrido naquela região em decorrência da escuridão.

A vereadora Ivoni Andrade (MDB) iniciou o seu pronunciamento criticando o prefeito Valmir de Francisquinho pelo anúncio de oito ordens de serviço, porque entre elas não há nenhuma que traga benefício para os moradores das quatro etapas do Bairro Queimadas. De acordo com a vereadora, em cada etapa existem mais de 100 famílias necessitadas. Criticou a reforma da escola do bairro Queimadas, alegando que não atende às necessidades da população. O vereador Marcos Oliveira pediu aparte e rebateu a crítica da vereadora em relação à escola, esclarecendo que a partir da reforma, cinco novas e amplas salas de aula foram construídas na referida escola e seguindo os mais exigentes padrões de qualidade. A vereadora Ivoni Andrade finalizou criticando o gestor municipal pelo fato de ter preterido alguns comerciantes que atuavam no terminal de passageiros de transporte alternativo, dando os quiosques a outras pessoas, inclusive comerciantes já estabelecidos no município.

Na explicação pessoal, o presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça fez questão de ler uma mensagem em homenagem ao dia do trabalhador, que se comemora no dia 1º de maio. Por ocasião da leitura da mensagem e do momento que antecede o dia do trabalhador, o parlamentar prestou uma homenagem a todos os servidores e funcionários da câmara municipal, agradeceu pelo desempenho de cada um e o bom trabalho prestado ao Poder Legislativo do município. Na oportunidade, declarou encerrada a sessão e convocou uma nova para a próxima quinta-feira (03/05), no horário regimental.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS