ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Inaugurações de obras no próximo domingo (06/05), nos Povoados Ribeira, Cajaíba e Mangueira foram destaque na Sessão Ordinária do dia 03/05

Vereadores parabenizaram a atual gestão pelo esforço e trabalho realizado em prol do desenvolvimento do município.

03/05/2018 20:20


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Inaugurações de obras no próximo domingo (06/05), nos Povoados Ribeira, Cajaíba e Mangueira foram destaque na Sessão Ordinária do dia 03/05

Aberta a Sessão Ordinária do dia 03/05, na Câmara Municipal de Itabaiana, o presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça, concedeu a palavra ao vereador João Cândido Sobrinho (PSB), que iniciou o seu pronunciamento cobrando do líder do prefeito, vereador Marcos Oliveira, uma resposta sobre sua reivindicação na sessão anterior, relativa à construção irregular de uma mureta e uma churrasqueira em uma calçada, que por sua vez, é um local público. O vereador Marcos Oliveira informou que o município já notificou o proprietário do comércio mencionado. O vereador João Cândido também criticou as pessoas que continuam colocando lixo no terreno baldio próximo a delegacia, apesar da área já ter sido cercada.

O vereador Sinvaldo Góis (MDB) disse que hoje pela manhã tomou café com os moradores da Vila de Zé de Melinha e que na oportunidade os mesmos afirmaram que o município abandonou aquela localidade. De acordo com o vereador, os moradores reclamaram do matagal e da sujeira no local. O parlamentar também lamentou o fato dos seus requerimentos ainda não terem entrado em pauta na câmara municipal, sobretudo o requerimento que prevê a meia entrada para os servidores públicos do município.  O vereador Gustavo Santana se solidarizou com o colega vereador, cobrou da presidência da casa a tramitação dos requerimentos dos vereadores de oposição e insinuou que o executivo tem interferido no legislativo, agindo de forma ditatorial. O presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça interferiu no pronunciamento do vereador Gustavo Santana, respondeu que o vereador está equivocado quando diz que o executivo interfere no Poder Legislativo e cobrou respeito e moderação nas palavras do parlamentar. Em seguida, em razão do acirramento de ânimos, o vereador José Teles convidou o vereador Gustavo Santana para uma conversa no gabinete da presidência e suspendeu a sessão por 15 minutos.

Retomados os trabalhos, o presidente da Casa deu sequência a sessão e convocou o vereador Sinvaldo Góis para dar continuidade ao seu pronunciamento. O vereador voltou a falar sobre o requerimento de sua autoria, que prevê a meia entrada para o servidor público municipal, bem como sobre o requerimento cobrando a presença do secretário de agricultura Erotildes de Jesus, que na oportunidade, foi chamado pelo vereador de preguiçoso. O parlamentar disse que acredita que o prefeito orientou os vereadores da situação a votarem contra os projetos e requerimentos da oposição. O vereador também mandou um recado ao ex-deputado federal José Carlos Machado, no sentido de que o mesmo deve fechar as portas da emissora FM Itabaiana para o prefeito Valmir de Francisquinho, por ele ter traído sua confiança ao anunciar apoio ao ex-deputado Bosco Costa.

O vereador Gustavo Santana (MDB) cobrou do poder público municipal mais atenção ao CAPS Renato Bispo. De acordo com o vereador, falta medicamentos, psicólogos e manutenção periódica naquele órgão assistencial. O vereador também declarou que não há professor qualificado de educação física nas escolas da rede municipal em Itabaiana.

O vereador Paulo Messias (MDB) iniciou o seu pronunciamento cobrando mais uma vez explicações sobre o seu requerimento, no qual solicita a vinda da secretária de saúde do município à Câmara municipal para a devida prestação de contas. O vereador diz não entender o porquê que o requerimento ainda não entrou em pauta. O vereador José Teles de Mendonça interferiu mais uma vez para esclarecer que em nenhum momento travou projeto ou requerimento de quem quer que seja e que o requerimento cobrado está em tramitação nas comissões. Acrescentou que o prefeito jamais interferiu no Poder Legislativo, explicando que a Câmara segue o Regimento Interno e a Lei Orgânica do município. O vereador Paulo Messias disse que jamais haverá desentendimento entre ele e o presidente, considerando o respeito mútuo existente entre eles. O vereador também cobrou do poder público mais atenção ao CAPS Renato Bispo.

A vereadora Ivoni Andrade (MDB) iniciou o seu pronunciamento cobrando transparência na gestão municipal e solicitou do presidente da Casa que todos os vereadores recebessem em seu gabinete o Diário Oficial do Município na versão impressa. Criticou o processo seletivo simplificado realizado pelo município, alegando que não houve publicidade por parte da gestão municipal. O presidente da Casa respondeu a vereadora que o acesso ao Diário Oficial se dá pela própria Internet e que esse trabalho pode ser feito pelos próprios assessores dos parlamentares.

O vereador Marcos Oliveira (PTC) iniciou o seu pronunciamento enfatizando a importância da historicidade, fazendo uma analogia entre o comportamento passado e atual da oposição em relação ao grupo Teles de Mendonça, afirmando que os mesmos que hoje afagam e elogiam a deputada Maria Mendonça, no passado chamavam os integrantes do seu grupo político de brucutus. O vereador diz não entender as críticas reiteradas dos vereadores de oposição contra o prefeito Valmir de Francisquinho. O vereador Wagner Menezes pediu aparte e disse que as críticas são infundadas e apenas demonstram a vontade da oposição, em denegrir a imagem do prefeito e desqualificar a atual gestão. Disse ainda que os que criticam prometeram no passado e não fizeram, e hoje criticam quem está fazendo. O vereador Marcos Oliveira finalizou dizendo que os homens públicos têm que ter coragem de enfrentar os desafios, como tem demonstrado o prefeito Valmir de Francisquinho.

O vereador José Carlos de Santana (PR) repudiou as críticas sistemáticas da oposição à atual gestão, segundo o vereador, no passado não cobravam do seu líder Luciano Bispo o cumprimento da lei, como por exemplo, o pagamento de salários em dia e respeito ao servidor público. Disse que as críticas são fruto do grande crescimento e ascensão política do prefeito Valmir de Francisquinho. O vereador José Roberto pediu aparte e contestou a declaração do colega vereador, dizendo que sua fala passou uma conotação, de que todos os vereadores de oposição têm votado contra o povo, afirmando que votará sempre favorável aos projetos de interesse da população. Em razão dessa declaração, o vereador José Carlos de Santana disse que cobrará a promessa do colega no futuro.

O vereador Roosevelt Santana (PSB) ressaltou a importância da presença em Itabaiana da Carreta do Hospital do Câncer de Barretos, que realizará cerca de 57 exames diários durante sua permanência no município. O vereador também prestou sua solidariedade ao presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça, que tem sido alvo de críticas severas da oposição, apenas pelo fato de seguir à risca o regimento interno desta casa. O parlamentar disse que os discursos da oposição na câmara durante as sessões são totalmente contraditórios quando dizem que a gestão atual abandonou as comunidades, uma vez que o ponto de vista da população é totalmente contrário, por reconhecer o trabalho realizado pelo atual gestor municipal. O vereador Carlos Vagner, a propósito do tema, ressaltou o posicionamento do vereador Paulo Messias, que apesar de oposição, se fez presente e acompanhou a assinatura de oito ordens de serviço pelo prefeito Valmir de Francisquinho, cujo evento ocorreu na última quinta-feira (26/04). O vereador lamentou o grande número de assaltos ocorridos em Itabaiana e pediu providências urgentes às autoridades, e finalizou convidando a todos, inclusive os vereadores de oposição, para prestigiarem no próximo domingo as inaugurações de pavimentações de ruas e construção de praças e ampliação de escola nos povoados Ribeira, Cajaíba e Mangueira.

O vereador Wagner Menezes (PR) contestou o discurso do vereador Gustavo Santana que declarou em seu pronunciamento que falta tudo na atual gestão. Segundo o vereador, não procede a declaração de que não há médicos na rede, que falta psiquiatra e psicólogo no CAPS Renato Bispo, classificando esse discurso de político e destoante da realidade. O vereador explicou que não há nenhuma objeção por parte das comissões a nenhum requerimento de colega vereador, e que o requerimento de autoria do vereador Sinvaldo Góis está tramitando nas comissões, ressalvado aquele que gere despesas para o município. O vereador Paulo Messias aproveitou a oportunidade para pedir um esclarecimento também sobre o seu requerimento.  O vereador respondeu que o requerimento do colega está em tramitação e que em breve entrará também em pauta. O parlamentar lamentou a falta de estrutura do Corpo de Bombeiros de Itabaiana, que no último domingo demonstrou fragilidade diante do incêndio ocorrido no centro comercial, que mesmo apesar de todo o empenho dos bombeiros, não conseguiu combater as chamas em função dos problemas estruturais da viatura.

O vereador José Roberto (PP) pediu um minuto de silêncio em homenagem às vítimas do incêndio ocorrido em São Paulo, que de pronto foi concedido pelo presidente da Casa.  O vereador também mencionou e respondeu a declaração do vereador Sinvaldo Góis, que teria dito em seu pronunciamento que o prefeito teria chamado o parlamentar de café gordo. O vereador pediu para que o prefeito o esqueça, que ele fará o mesmo. O vereador Carlos Vagner pediu aparte e disse que se surpreendeu pelo fato do vereador repudiar fofocas e disse me disse e ao mesmo tempo ter acreditado em uma conversa do vereador Sinvaldo Góis, que só teve o intuito de disseminar a discórdia.

O vereador Carlos Vagner (PR) iniciou se solidarizando com a família do vereador Abiné de Nossa Senhora das Dores, pela tragédia ocorrida no dia de ontem que vitimou de forma fatal a sua esposa após um acidente automobilístico, deixando inclusive, uma filha de poucos meses de idade. O presidente da Casa interferiu para também se solidarizar com a família do vereador Abiné de Nossa Senhora das Dores e na oportunidade estendeu o minuto de silêncio pedido pelo vereador José Roberto para a família do vereador, bem como para a família proprietária do prédio que incendiou no último domingo em Itabaiana. O vereador Carlos Vagner finalizou enaltecendo a atual gestão e parabenizando o prefeito Valmir de Francisquinho, que recebeu o município do seu antecessor com um débito de 33 milhões e conseguiu colocou as contas em ordem.

Encerrada a sessão ordinária do dia 03/05, o presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça, convocou uma nova sessão para a próxima terça-feira (08/05), em horário regimental.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS