ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Projeto de lei que concede reajuste salarial aos servidores municipais de Itabaiana foi dado entrada na Sessão de hoje (29/05), na Câmara Municipal

Para o Prefeito Valmir de Francisquinho, o reajuste salarial representa sem distinção, a valorização dos servidores públicos em geral, efetivos e comissionados.

29/05/2018 18:36


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Projeto de lei que concede reajuste salarial aos servidores municipais de Itabaiana foi dado entrada na Sessão de hoje (29/05), na Câmara Municipal

Aberta a Sessão Ordinária do dia 29/05, na Câmara Municipal de Itabaiana, o Presidente da casa, vereador José Teles de Mendonça (PR), concedeu a palavra ao vereador Gustavo Santana (MDB), que lamentou o jeitinho brasileiro utilizados por muitos, se referindo a políticos que segundo ele, estão tentando se aproveitar da situação, ao invés de unir forças na tentativa de buscar soluções para atender às reivindicações dos caminhoneiros. O vereador também criticou o que ele classifica como abandono das escolas do nosso município, por parte da gestão atual.

O vereador Sinvaldo Góis (MDB) falou sobre o projeto de lei de autoria do executivo Municipal que concede aumento aos servidores do município e cobrou celeridade em sua aprovação. Na oportunidade, criticou a atual gestão, bem como, vereadores da bancada de situação, que dão sustentação ao prefeito Valmir de Francisquinho.

O vereador Marcos Oliveira (PTC) criticou os preços elevados dos combustíveis, que resultaram na atual crise vivida pelos brasileiros. Disse que irá apresentar uma moção de apelo, para que o governo do estado reveja a carga tributária e reduza consideravelmente, os impostos instituídos na esfera estadual, e pediu para que os demais vereadores a subscrevam. Disse que no Brasil, os impostos não são cobrados de com justiça e impessoalidade, razão pela qual, quem mais sofre é a população mais carente.

O vereador Roosevelt Santana (PSB) disse que Sergipe é um dos estados que mais cobram impostos no Brasil. Falou que a administração municipal está na contramão da crise econômica, uma vez que em meio a tantas dificuldades, ainda consegue conceder aumento salarial ao servidor público municipal.

A vereadora Ivoni Andrade (MDB) falou sobre o empreendimento café com negócio, que para a vereadora, contribui para o desenvolvimento econômico do município. Falou sobre o projeto de autoria do executivo municipal, que concede aumento nos salários dos servidores e questionou a gestão municipal sobre o motivo do projeto não retroagir a janeiro. Também mencionou parecer negativo do tribunal de Contas em relação a aplicação dos recursos do Fundeb. Finalizou criticando a situação, segundo ela precária em relação às escolas do nosso município.

O vereador Arivaldo de Rezende (MDB) falou sobre os efeitos da greve dos caminhoneiros, manifestando apoio à categoria e finalizou tecendo críticas genéricas à gestão Valmir de Francisquinho.

O vereador Wagner Menezes (PR) comentou as críticas de emissoras de TV à greve dos caminhoneiros, quem em sua opinião deveria ser apoiada por todos. Disse que a corrupção e os impostos abusivos devem ser combatidos. O parlamentar disse que o cidadão deve se levantar contra esse tipo de atuação, por meio de manifestações, como essa que toma o país.

O vereador José Virtuozo (SD) disse que apoia a causa dos caminhoneiros, por ser justa, pacífica e legítima, bem como, por não concordar com a política de aumento nos preços dos combustíveis. O parlamentar também falou sobre sua luta social diária em defesa dos animais em nosso município.

O vereador João Cândido Sobrinho (PSB) falou sobre a importância dos projetos de lei, relativos a nomes de ruas, bem como, os critérios de escolha. O vereador falou também sobre as manifestações por conta da greve dos caminhoneiros e repudiou políticos, que segundo ele, se contradizem ao manifestarem apoio aos caminhoneiros, uma vez que também apoiam a cobrança de autos impostos sobre o nosso combustível. Também cobrou da gestão municipal a recuperação da pavimentação asfáltica de diversas ruas em nossa cidade.

O vereador Carlos Vagner (PR) falou sobre a luta diária dos caminhoneiros e da justa paralisação em protesto aos constantes e abusivos aumentos dos impostos sobre os combustíveis, sobretudo, o óleo diesel. O parlamentar também enalteceu a gestão do prefeito Valmir de Francisquinho, declarando que se trata de uma gestão democrática. O vereador disse que não cabe nenhuma crítica à vereadora Ivoni Andrade pelo fato do seu filho não votar no seu candidato a Deputado Estadual, Luciano Bispo e ter optado em votar no pré-candidato Talysson de Valmir. Disse que diante da atual situação e crise vivida no estado e no país, tanto Jackson Barreto, que pretende chegar ao Senado, bem como o presidente Michel Temer deveriam pedir para sair, ou seja, segundo o vereador, o povo não aguenta mais. O vereador também disse que foi correto o pronunciamento do vereador José Carlos Santana, quando disse que não irá mais cobrar o tomógrafo ao governador, porque o mesmo não atende, razão pela qual solicitou do prefeito a aquisição de um tomógrafo pelo município. Finalizou dizendo que continuará defendendo os interesses da população itabaianense.

Encerrada a sessão ordinária do dia 29/05, o presidente da casa, vereador José Teles de Mendonça (PR), convocou uma nova sessão para a próxima terça-feira (05/06), em horário regimental.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS