ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

VERBAS DE SUBVENÇÕES PARA INSTITUIÇÕES E REAJUSTE SALARIAL DOS PROFESSORES FORAM APROVADOS POR UNANIMIDADE

A presidente Ivoni Lima de Andrade convocou a próxima sessão para o dia 19 de fevereiro

07/02/2019 15:21 - atualizado em 07/02/2019 15:26


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

VERBAS DE SUBVENÇÕES PARA INSTITUIÇÕES E REAJUSTE SALARIAL DOS PROFESSORES FORAM APROVADOS POR UNANIMIDADE

Instituições como Associação Itabaianense dos Universitários, Filarmônica Nossa Senhora da Conceição, Sociedade Filarmônica 28 de Agosto, Parque dos Falcões, Associação Olímpica de Itabaiana, Casa de Acolhimento Itabaiana Solidária (CAIS) e APAE, garantiram as subvenções nos projetos apresentados na sessão extraordinária realizada nesta quinta-feira, 07 de Fevereiro na Câmara Municipal de Itabaiana. Além dos projetos de subvenções para instituições do município, foi aprovado também o projeto de lei Nº 12/2019 que estabelece reajuste ao vencimento dos professores do município de Itabaiana no mesmo patamar do piso salarial estabelecido na Lei Federal 11.738/08 com base no fundo de desenvolvimento da educação básica e de valorização dos profissionais da educação (FUDEB).

Na ata da segunda sessão extraordinária do primeiro período legislativo, realizada na manhã desta quinta-feira (07), a presidente Ivoni Lima de Andrade declarou aberta a sessão, autorizando o primeiro secretário, Paulo Messias a fazer leitura da ata anterior, que após lida foi discutida e aprovada por unanimidade. No pequeno expediente foi lido o projeto de lei Nº 13/2019 que concede subvenção ao Instituto Fabinho do Abrigo. No grande expediente não houve uso da palavra. Já na ordem do dia, foi submetido em primeira discussão e votação o projeto de lei Nº 02/2019, discutido pelos vereadores João Cândido, Arivaldo de Rezende e Marcos Oliveira e rejeitado com 7 votos contrários dos vereadores Arivaldo de Rezende, Marcos Oliveira, Carlos Vagner, José Teles, José Carlos, Moises Mendonça e Vagner Menezes.

Julgados em primeira votação, o projeto de lei Nº 03/2019 que autoriza o Poder Executivo Municipal a firmar convênios com as empresas do Município, visando à colocação de Lixeiras Ecológicas mediante veiculação de propaganda, foi debatido pelos vereadores João Cândido, Marcos Oliveira, Vagner Menezes, Gustavo Américo, José Teles, Moisés Mendonça e José Carlos e rejeitado com 7 votos pelos parlamentares Arivaldo Rezende, Marcos Oliveira, Carlos Vagner, José Teles, José Carlos, Moisés Mendonça e Vagner Menezes.

Submetidos e votados em três sessões extraordinárias, os projetos de lei Nº 04,05,06, 07, 08, 09, 10,11,12,13 de 2019, foram aprovados por unanimidade, garantindo as subvenções das instituições e reajustando o piso salarial dos professores do município. A presidente Ivoni Lima de Andrade convocou a próxima sessão para o dia 19 de fevereiro.

ASCOM/CMI


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS