Confira o que foi destaque na sessão desta terça-feira, 14


A sessão desta terça-feira, 14, da Câmara Municipal de Itabaiana (CMI) contou com a presença do especialista em processo legislativo e consultor técnico em Câmaras Municipais, Danilo Falcão. Ele apresentou aos vereadores o Código de Ética e Decoro Parlamentar, criado pela primeira vez na história da Câmara. 

Confira o que foi destaque nos pronunciamentos dos vereadores:

Marcos Oliveira (DEM)

O vereador Marcos Oliveira (DEM) fez uso da palavra na Câmara Municipal de Itabaiana e enalteceu o trabalho desenvolvido pela atual gestão. “Não se trata de falar aqui somente de construir, mas também de dar manutenção a tudo que já foi feito. É uma administração que cuida daquilo que tem, são centenas de prédios públicos assistidos todos os dias pela administração”, disse o parlamentar. 


Ele respondeu, ainda, às críticas feitas à Secretária de Obras, Deilza Assis. “É porque ela é uma mulher e mulher não pode comandar? não pode exercer autoridade? Eu não vou admitir que pessoas dignas sejam expostas e humilhadas”, disse Marcos. 

Sinvaldo Gois (MDB)


O vereador Sinvaldo Gois (MDB) fez uso  da palavra na Câmara Municipal de Itabaiana e cobrou da gestão municipal obras em bairros e povoados. “Porque não constroem a ponte que liga o povoado Várzea do Gama ao Sítio Novo? Os agricultores pagam os impostos para que as obras sejam feitas”, disse o vereador. 

Ele também citou o calçamento das ruas do bairro Moita Formosa. “Calçaram algumas ruas e outras não, é necessário calçar todas as ruas daquele bairro”, disse o parlamentar. 


Ivoni Andrade (MDB)


A alta no índice de contaminação por Chikungunya foi tema do pronunciamento da Vereadora Ivoni Andrade (MDB). Ela recomendou que a Coordenadora Epidemiológica Laís Menezes, junto a Secretária de Saúde Priscila Melo, intensifique a campanha de combate a proliferação da doença. “Seria interessante uma fiscalização na cidade, ver os locais que estão com água acumulada e limpar esses ambientes. Intensificar o trabalho dos agentes de endemias para evitar uma alta na contaminação como já aconteceu em outros anos.


Ela também recomendou à gestão municipal que faça uma parceria com planos de saúde para garantir aos servidores municipais o acesso a plano de saúde. 


Moisés Mota (DEM)


O vereador Moisés Mota (DEM) fez uso da palavra na Câmara Municipal de Itabaiana e enalteceu os trabalhos desenvolvidos pela gestão municipal. “ Nós estamos aqui falando do presente e do futuro, e não do passado. Tem localidade que poderiam ter recebido atenção há muito tempo, mas só foram atendidas na gestão do ex-prefeito Valmir de Francisquinho e do atual prefeito Adailton Sousa. São as mãos do trabalho que tem feito obras em prol do povo itabaianense”, disse o parlamentar. 


Anderson Pereira (PSD)


A insegurança em Itabaiana foi tema do pronunciamento do vereador Anderson Pereira (PSD). Ele pediu ao 3º Batalhão de Polícia Militar que sejam realizadas rondas mais específicas em algumas localidades no município. “Não é de agora que os trabalhadores do mercadão sofrem com os assaltos naquela localidade. Além disso, outros crimes tem acometido a nossa população e quero usar essa tribuna para pedir mais segurança para o povo de Itabaiana”, disse o parlamentar. 


O problema da falta de água em alguns povoados também foi citado pelo vereador. “Aquele povo precisa ser respeitado. Precisamos ver o que está acontecendo com a adutora do Barro Preto e Lagamar. A Deso precisa fazer algo pela população”, disse Anderson.

 

Alex Henrique (PP)


O vereador Alex Henrique fez críticas à gestão municipal por comemorar a realização de algumas obras no município. “Comemora uma máquina na estrada do povoado, mas isso é obrigação. Querem apagar a história, quando foram realizadas grandes obras, com o feijão com arroz que é feito hoje”, disse o parlamentar. Ele também criticou o fechamento de algumas escolas ao longo do ano, afirmando que a educação perdeu com estas ações. 

Mapa do Site

Acessibilidade Contraste Mapa do Site Voltar ao Topo