ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Sessão desta quinta-feira (07/06), foi marcada pela outorga de Titulo de Cidadão Itabaianense ao Delegado Regional, Dr. Fábio Santana

O homenageado declarou sua satisfação pelo reconhecimento ao seu trabalho e reassumiu o compromisso do combate à criminalidade no município.

07/06/2018 20:05 - atualizado em 07/06/2018 21:46


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Sessão desta quinta-feira (07/06), foi marcada pela outorga de Titulo de Cidadão Itabaianense ao Delegado Regional, Dr. Fábio Santana

Aberta a sessão ordinária do dia 07/06, na câmara municipal, o presidente da casa, vereador José Teles de Mendonça, já no grande expediente, deu início à solenidade de entrega do título de cidadão Itabaianense ao Delegado Regional de Itabaiana, Dr. Fábio santos Santana, que ao receber tal honraria, demonstrou imensa satisfação e emoção pelo título concedido, sobretudo, pelo reconhecimento da população Itabaianense ao seu trabalho. Em seguida, foi concedida à palavra ao vereador Paulo Messias, autor do Decreto Legislativo N° 06/2017, que concedeu o título de cidadão ao homenageado. Na oportunidade, o vereador explicou que os motivos que o levaram a apresentar o referido decreto de outorga de título de cidadão, foram em razão do trabalho realizado e contribuição para redução dos altos índices de violência antes registrados no município.

Também fez uso da palavra, o homenageado do dia, Dr. Fábio Santos Santana, que falou de sua satisfação e alegria pelo título recebido, mas, sobretudo, pelo reconhecimento da população ao trabalho realizado, o que para o homenageado, aumenta ainda mais sua responsabilidade a frente da Delegacia Regional de Itabaiana.

O coordenador de polícia civil do interior, Dr. Jonhatas Evangelista, também fez uso da palavra, e parabenizou o colega Fábio Santos Santana, pelo título recebido, bem como, destacou o seu profissionalismo e competência, à frente da especializada, e enalteceu sua contribuição para o engrandecimento da Polícia Civil no Estado e da SSP como um todo.

O prefeito Valmir de Francisquinho também parabenizou o homenageado, Dr. Fábio Santana pelo título recebido, e aproveitou a oportunidade para enaltecer o trabalho desenvolvido pelo Delegado à frente da regional, que por sua vez, tem contribuído para a redução dos índices de criminalidade no município.

Em seguida, o presidente da Casa franqueou a palavra aos vereadores, que parabenizam o homenageado pelo título recebido, bem como, pelo trabalho realizado em prol da segurança da população Itabaianense.

Na ordem do dia, o vereador João Cândido Sobrinho questionou os motivos pelos quais, o projeto que visa o aumento do número de vereadores da câmara de Itabaiana, bem como, em relação ao projeto que visa à ampliação do tempo de duração e horário regimental das sessões das sessões da câmara. O presidente da Casa, vereador José Teles de Mendonça explicou que irá discutir os temas com todos os vereadores, porque é preciso que a câmera tenha previsão orçamentária para suportar o aumento do número de parlamentares, já em relação à ampliação do tempo de duração das sessões, explicou que há uma barreira na Constituição Estadual que veda qualquer mudança neste sentido.  O vereador João Cândido também questionou o porquê que o projeto que concede aumento nos salários dos servidores municipais, ainda não foi colocado em pauta para ser submetido à votação? O presidente da Casa explicou que a colocação do aludido projeto em votação, depende do executivo municipal, que é o autor da referida propositura.

Insatisfeitos, vereadores de oposição ameaçaram se retirara do plenário, só retornando, após o vereador João Cândido ter sugerido que todos votassem pela reprovação dos projetos que estivessem em pauta, independentemente da autoria. O presidente retomou à sessão e abriu à ordem do dia com à votação dos projetos constantes na pauta. Todos os projetos foram reprovados, uma vez, que os vereadores de oposição seguiram à orientação do vereador João Cândido sobrinho do (PSB), para que votassem pela reprovação.

Encerrada a Sessão ordinária do dia 07/06, o presidente da casa, vereador José Teles de Mendonça (PR) convocou nova sessão para a próxima terça-feira (12/06), em horário regimental.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS